Cuidados com impostos na hora de importar da China

Importar da China é um negócio muito vantajoso devido aos baixos preços praticados pelo país, mas, seja você uma pessoa física ou jurídica, é bom ficar atento com as taxas de importação e com os impostos cobrados pelas mercadorias, quando elas chegam aqui no Brasil.

Quer começar a importar da China mas não faz ideia de como começar? Então clique e conheça o curso que vai te ensinar todos os detalhes para se tornar um empreendedor de sucesso!

A coisa mais importante a saber é que pessoas físicas podem importar normalmente para revender. Ou seja, não precisa ser empresário para começar o seu próprio negócio. Claro que, com o avanço das suas vendas, é interessante se formalizar para obter mais benefícios. Mas, em um primeiro momento, isso não é necessário para começar a trabalhar.

Sendo pessoa física, você precisa saber que, ao importar mais mercadorias, ultrapassando o valor de 50 dólares, está sujeito a ser tributado pela receita federal quando elas chegarem ao Brasil. Nesse caso, o imposto cobrado é de 60% sobre o valor total da sua mercadoria.

Mas existem alguns produtos que são isentos de impostos, independentemente de seu valor. São eles: Jornais, revistas, livros e periódicos impressos. Os remédios também são livres de impostos, porém seguem outras regras, como ter uma receita médica que seja válida e devem ser apenas para uso pessoal (ou seja, de forma alguma você pode comprá-los com o objetivo de revender).

Bom, mesmo que a sua encomenda da China seja taxada pela Receita Federal ao chegar no país, vale sim a pena comprar no exterior. Se você colocar no papel, vai ver que, mesmo com os impostos, vale muito mais a pena importar da China do que comprar no Brasil.

Quando uma pessoa importa da China um produto de baixo valor e desde que a encomenda seja pequena, o ideal é usar o serviço Importa Fácil, dos Correios. Dessa forma, não é necessário pagar frete. Porém, esse tipo de encomenda pode demorar bem mais do que o previsto na hora da compra. Esse prazo gira em torno de um mês, mas pode demorar mais de acordo com os Correios.

Outro detalhe importante é que a encomenda transportada pelos Correios tem algumas limitações as quais você deve ficar atento: ela não pode passar de dois metros de altura nem pode pesar mais do que 30 quilos. Se esses parâmetros forem ultrapassados, será preciso contratar um agente aduaneiro. Além disso, os Correios recentemente passaram a cobrar uma nova taxa, no valor de R$12 de todas as encomendas que estejam na faixa entre 50 e 500 dólares. Então fique atento!

Quer ter a sua própria loja virtual e revender produtos importados da China, de forma totalmente legal? Então clique e conheça o curso que vai lhe oferecer todo o suporte necessário para você começar o seu negócio!