O marketing das fábricas chinesas

Enquanto o empreendedor se esforça fazendo propagandas de seus produtos e da loja virtual, as fábricas chinesas continuam ganhando cada vez mais e mais dinheiro, mesmo com um marketing bem deficiente.

Quer ganhar o seu próprio dinheiro sem depender dos outros? Saiba os segredos aqui!

Por incrível que pareça, a maioria das fabricas chinesas usa técnicas bem antigas para divulgar seus produtos e serviços, como, por exemplo, enviar emails todos os dias com os preços e os produtos novos, além dos típicos catálogos, que quase ninguém lê em tempos de internet. O pior desses métodos é que eles importunam demais quem está lendo.

As fábricas chinesas usam 3 vias de acesso para lidar com seus clientes, como o spam (via emails), B2B (como, por exemplo, o alibaba) e as feiras, como Chinaplas e Canton Fair. Cada uma delas funciona assim:

Spam – O meio mais chato e que mais incomoda. As fábricas chinesas gostam desse método para oferecer produtos, para que consigam mais pedidos.

B2B – é um método usado para procurar fornecedores de forma mais rápida. O problema é que esse tipo de método atrai a desconfiança do comprador, já que é o fornecedor quem paga para usar (e divulgar seus serviços, claro).

Feiras – É o tipo de propaganda que tem o melhor impacto. Em uma Canton Fair ou alguma outra feira, os produtos ficam em uma exposição. É um investimento alto, porém ajuda mais a atrair clientes. Mas, se por um lado a feira atrai no boca a boca, os catálogos distribuídos costumam ser de baixa qualidade, com erros de ortografia e algumas informações duvidosas. E,quem está do outro lado do mundo, não tem acesso a feira ao vivo…

As fábricas chinesas ganhariam ainda mais proporção mundial se, além do preço baixo, fossem mais atraentes e tivessem um marketing eficiente.

E, como saber disso afeta o meu negócio?

Afeta….e muito!

Se você seguir a mentalidade chinesa, vai vender, só que muito menos do que poderia. Nos dias de hoje, as ferramentas de marketing virtual são bem acessíveis e as redes sociais fazem totalmente a diferença!

E, quem não evolui, não estuda e nem se aprimora, tende a desaparecer e perder para a forte concorrência. As fábricas da China têm sobrevivido graças aos seus preços e não ao seu marketing deficiente. E, mesmo assim, vão chegar a um ponto em que será necessário focar em uma boa campanha e em métodos realmente eficientes para continuar a vender!

Quer atrair clientes para o seu negócio e aumentar as vendas? Então clique e conheça os segredos para importar da China e ser bem sucedido!