Evitando problemas na hora de solicitar preços na China

Em geral, quem está começando a importar da China e entende pouco de negócios e transações, costuma cometer um erro muito comum: Enviar uma lista de mercadorias para cotação e esperar que a fábrica/fornecedor responda detalhadamente a todos os preços e detalhes de cada produto, o que não acontece. Para evitar isso, veja nesse artigo como evitar problemas na hora de solicitar preços na China.

Quer saber como fazer transações e negócios bem sucedidos importando da China? Então clique aqui e conheça todos os métodos.

Solicitar preços na China não é algo comum, ao contrário do Brasil, onde as fábricas normalmente já contam com uma tabela de preços. Lá, cada orçamento é realizado de forma individual e muitos fornecedores/fábricas não tem estoque. Eles produzem as mercadorias de acordo com a demanda.

Além disso, na China, muitas fábricas não contam com um departamento comercial e funcionários qualificados para fazer a venda. E, as poucas que tem um atendimento personalizado, geralmente falam mandarim, o que complica bastante toda a transação.

Essa forma peculiar chinesa de negociação se deve a própria cultura do país, que é diferente da ocidental. Lá, a maioria dos empresários nunca saiu do país e não sabem como as negociações acontecem no resto do mundo, por isso ocorrem todas essas dificuldades na hora de solicitar preços na China.

Mas, com o tempo, isso tende a melhorar, já que o mercado chinês segue em franca expansão.

Principais problemas enfrentados ao solicitar preços na China

1 – Demora em responder

Se o seu pedido for de uma ou de poucas mercadorias, provavelmente a fábrica não irá nem responder. Por isso o ideal é contar com um bom fornecedor, para não passar raiva.

2 – Preços diferentes demais

Como na China existe um mercado muito vasto e com muitas opções, o valor de um item pode variar demais de um site para outro. E, quem não tem experiência para distinguir as coisas, costuma cair na mão de fabricantes picaretas.

3 – Comparar os preços é muito difícil

Isso acontece justamente pelo que foi explicado no parágrafo anterior: Existem fabricantes demais do mesmo produto e, por consequência, você irá ver preços completamente discrepantes e fica bem difícil fazer uma boa comparação de valores, como normalmente fazemos aqui no Brasil.

Como evitar esses problemas na hora de solicitar preços na China?

O principal problema dos micro e pequenos empresários, além das pessoas físicas na hora de importar da China é o de se focar apenas no preço das mercadorias.

O ideal não é se focar em quem tem o melhor preço, mas sim em encontrar um bom fornecedor, de confiança. Assim você consegue cotar quantas mercadorias quiser, além de evitar frustrações com mercadorias falsas, prevenir riscos e conseguir importar a sua mercadoria da China sem nenhum problema.

Quer ser um empreendedor de verdade, importar da China e se tornar o seu próprio patrão? Então clique e conheça todos os detalhes no curso “Como Importar da China” agora mesmo!