5 Passos Importantes para quem quer importar da China

Mesmo com tantas informações disponíveis pela internet, importar da China ainda é um processo que muitas pessoas simplesmente desconhecem. E existe muita gente que tem tempo e disponibilidade para iniciar um novo negócio, mas não tem a menor ideia de como ele funciona.

Quer aprender tudo que é preciso para importar da China com sucesso e ainda ganhar dinheiro com isso, de forma totalmente legal? Então clique e conheça todos os métodos.

Quem já importa da China para revender ou trabalha como fornecedor, sabe que não é uma tarefa fácil. Existem alguns problemas que podem ocorrer durante o processo, a cobrança de impostos, fabricantes picaretas, entre outros.

Mas, seguindo esses 5 passos, as suas chances de sucesso na negociação aumentam bastante, para que tudo seja realizado da forma mais simples possível:

1 – Pesquise bastante

Se você irá vender um determinado tipo de produto, como roupas ou perfumes, por exemplo, é importante que você saiba tudo sobre esses produtos, já pensando na importação da China.

Veja quais são os itens mais vendidos, os preços praticados pelo mercado e se são produtos que vem de fabricantes/fornecedores confiáveis.

Quanto mais informações sobre o produto que você irá importar, melhor, para que não haja perda de tempo nem de dinheiro.

2 – Seja organizado

Emails, Skype e telefone são ótimas ferramentas para se comunicar com o seu fornecedor, mas, se você não organizar as informações que precisa, tudo fica mais difícil.

Alguns fabricantes chineses são pouco organizados e contam com pouca tecnologia de gerenciamento de vendas, o que pode dar muita dor de cabeça para quem quer importar da China.

Por isso, tome você mesmo a iniciativa e organize todas as informações que precisa. Assim você já acelera as coisas e vai direto ao ponto com o seu fornecedor.

3 – Entenda um pouco da cultura chinesa

A cultura chinesa é totalmente diferente da brasileira, tanto para negociar quanto para se comunicar. Por isso, é muito importante entender um pouco da cultura do país, para entender melhor o processo de importação da China, e negociar com sucesso.

4 – Tenha paciência

Algumas pessoas que importam da China, podem perder a paciência na hora de se comunicar com os chineses, pela demora na resposta, o que deixa toda a negociação para importar da China bem mais lenta.

Lembre-se que os chineses e brasileiros normalmente negociam em inglês, mas como essa não é a língua nativa de nenhum dos dois, problemas podem acontecer durante o processo. E, nos primeiros contatos, problemas sempre acontecem, então, tenha paciência.

5 – Guarde todos os documentos

Importar de um país tão distante tem seus desafios. Por isso, todo o processo de compra e importação deve ser devidamente documentado para evitar problemas futuros e erros. Guarde absolutamente tudo, de preferência em inglês ou em mandarim.

Quer mais dicas para importar da China com a maior tranquilidade possível? Então aprenda tudo o que você precisa para ser um empreendedor no curso “Como Importar da China” e se transforme no seu próprio patrão.